A atividade física: importante aliada no tratamento da menopausa | A TARDE
Atarde > colunistas > De Olho na Saúde

A atividade física: importante aliada no tratamento da menopausa

"Não adianta apenas repormos hormônios temos que associar atividade física", diz médica

Publicado domingo, 18 de setembro de 2022 às 09:51 h | Autor: Elane Varjão | Jornalista | deolhonasaude@grupoatarde.com.br
Conceição Fonseca, ginecologista Clínica Pró Mulher
Conceição Fonseca, ginecologista Clínica Pró Mulher -

O número de pessoas praticantes de atividade física após os 50 anos tem crescido cada vez mais. Manter a forma não é tarefa fácil, principalmente para mulheres, que sofrem as  mudanças decorrentes da menopausa. “Além de atividades aeróbicas como a caminhada, é fundamental realizar exercícios de força, como musculação e Pilates, que ajudam a manter a massa muscular e a reduzir o risco de problemas de saúde,  explica a ginecologista Conceição Fonseca, da Clínica Pró Mulher.

“Para ganhar massa óssea e combater as famosas osteopenia e osteoporose, nós necessitamos de exercícios físicos aeróbicos combinados com exercícios de força. A musculação para esta faixa etária é de fundamental importância. Não adianta apenas repormos hormônios, vitaminas, minerais e cálcio, se não  associarmos a uma mudança de vida que inclui atividade física”, conclui Conceição.

Em defesa das pessoas com deficiência

O deputado estadual Léo Prates propôs a criação da Comissão Especial em Defesa da Pessoa com Deficiência na ALBA. O objetivo é aprofundar o debate sobre as demandas e obstáculos que esse público enfrenta. “Defendo essa luta desde o início da minha trajetória política. Queremos contar com a sensibilidade e empatia dos colegas da ALBA para que entendam a urgência e importância da criação dessa comissão”, afirma Prates, que é candidato a deputado federal

Esperança contra o Mal de Parkinson

Um estudo da John Hopkins Medicine e Dona Farber Cancer Institute, em Boston, indicou hormônio irisina, secretado no sangue durante exercícios de resistência ou aeróbico, reduz os níveis de uma proteína ligada ao Mal de Parkinson e interrompe os problemas de movimento muscular. O estudo ainda será confirmado em pesquisas laboratoriais e ensaios clínicos.

Campanha Setembro em Flor

A Clínica AMO realiza blitzes educativas nesta segunda-feira, 19, fazendo menção à campanha ‘Setembro em Flor’, que visa chamar atenção sobre os cinco tipos de cânceres ginecológicos. Serão distribuídas flores e também prestadas informações sobre os tipos de tumor e incentivo à realização do exame Papanicolau e à vacinação contra o Papilomavírus Humano (HPV).

Covid e Alzheimer

Pesquisadores da Universidade Case Western Reserv (EUA) divulgaram um estudo que aponta que a Covid-19 eleva em 69% o risco para a doença de Alzheimer entre pessoas acima de 65. O impacto é ainda maior entre mulheres de 85 anos. O estudo foi feito comparando número entre grupo de idoso contaminados e outro grupo semelhante que não teve contato com o vírus. Os resultados foram publicados na revista científica Journal of Alzheimer's Disease.

Feijoada do Amor

O GACC- BA lançou a 2ª Feijoada do Amor que será realizada no dia 15 de outubro. O valor arrecadado vai incrementar a requalificação da cozinha e melhorias da brinquedoteca da instituição.

Desafio Outubro Rosa

Acontece 24 (sábado), o ‘Desafio Outubro Rosa’, uma campanha de conscientização e prevenção do câncer de mama. Inscricões online aqui. 

Saúde mental é o que interessa

A neurologista e escritora Ana Paula Peña Dias escolheu Salvador para o lançamento de "E agora?Como ficam nossas emoções após a pandemia", na última quinta-feira, 15.

Saúde do Homem

O Hospital do Homem foi inaugurado nesta quarta-feira, 14, e fica na área do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), no bairro do Cabula.

Publicações relacionadas